APÓS DERROTA ACACHAPANTE DE 5X1 PELO FORTALEZA, RAMIREZ JÁ SOFRE PRESSÃO NO INTERNACIONAL

APÓS DERROTA ACACHAPANTE DE 5X1 PELO FORTALEZA, RAMIREZ JÁ SOFRE PRESSÃO NO INTERNACIONAL

7 de June de 2021 0 By admin

Que ‘vergonha’! Uma derrota histórica do Internacional, frente ao Fortaleza, líder do Brasileirão série A, por 5 x 1, acendeu a luz de alerta no clube Colorado do Rio Grande do Sul. Uma análise profunda no Beira-Rio deve acontecer nos próximos dias e o vestiário do Inter não está nada bom. ALém disto, o treinador Miguel Ángel Ramírez, já começa a ser questionado, em relação ao seu tipo de jogo, tática e ‘inovação’.

Entretanto, para amenizar o bastidor pesado, que já era previsto após o jogo contra o Fortaleza, , o vice de futebol João Patrício Herrmann foi aos microfones para dar respaldo ao treinador Ramirez, o que deixou a torcida ainda mais apreensiva.

Conforme apurado pelo site ge, a saída do treinador nunca esteve em pauta na diretoria até aqui.  Entretanto, a torcida já começa a se revoltar com o treinador e isto pode ser a chave para que sua permanência não seja mais uma unanimidade no clube Colorado.

Decerto, porém são as mudanças de rumo que o Inter deve sofrer. A onda de cobranças internas por correções urgentes nos rumos do trabalho para a sequência da temporada, deve promover uma mudança na forma de jogar do time. As mudanças devem ocorrer no modelo de jogo e também com saídas e chegadas no elenco. Sintomas de que a equipe não consegue render o esperado dentro da proposta e dos conceitos de Ramírez.

RAMIREZ DEMITIDO NO INTER?

Após a partida, nenhum atleta quis se manifestar. O elenco adotou silêncio, e coube ao vice de futebol João Patrício Herrmann dar as explicações sobre a “maior vergonha” que passou como dirigente.

O trabalho do Miguel tem ajustes a ser feito. Mas não acredito que ele seja inflexível, que não ouça o meio, atletas. As correções internas serão feitas. Já têm sido. Sentimos que este modelo parou de evoluir. Precisamos resolver o mais rápido e entender a cultura gaúcha de jogar futebol e do Inter.
— João Patricio Herrmann, vice de futebol do Inter