Juninho: 'Conversei com toda a equipe e pedi a oportunidade, porque esse seria meu ano' – VASCONet

Juninho: 'Conversei com toda a equipe e pedi a oportunidade, porque esse seria meu ano' – VASCONet

22 de fevereiro de 2022 Off Por admin

SIGA-NOS

Juninho: ‘Conversei com toda a equipe e pedi a oportunidade, porque esse seria meu ano’ Terça-feira, 22/02/2022 – 12:02 Juninho é indiscutivelmente um dos destaques do Vasco neste início de temporada. O volante, cria da base, tem sido titular no meio de campo do time de Zé Ricardo, fez gol e vem recebendo bastante elogios tanto do treinador quanto dos torcedores. Em coletiva de imprensa realizada na manhã desta terça-feira, ele explicou que agarrou a “oportunidade de largar tudo de ruim para trás” e não soltou mais.

– O ano virou, eu vi uma oportunidade de largar tudo de ruim pra trás. Conversei com o Zé quando chegou, com o time novo, vi a oportunidade de começar do zero. Conversei com toda a equipe e pedi a oportunidade, porque esse seria meu ano. Estou muito focado, quero continuar com as oportunidades e dar meu melhor – disse ele.

Aos 21 anos, Juninho foi titular em sete dos oito jogos disputados pelo Vasco até aqui no Campeonato Carioca. Só não jogou contra o Audax no domingo passado porque recebeu o terceiro cartão amarelo e precisou cumprir suspensão. No ano passado, ele atuou em um total de 26 jogos, não fez gols e terminou o ano em baixa.

– Para mim está sendo muito importante (sequência de jogos)-, era uma das minhas metas para 2022 conseguir jogar os 90 minutos e manter o alto padrão, ter regularidade nos jogos. Ver o treinador confiando em mim é muito importante pra mim – avaliou ele.

E a SAF? A notícia da semana foi o acerto do Vasco com a empresa 777 Partners, que pretende comprar 70% e comandar o futebol do clube – o acordo ainda depende de aprovação dos conselheiros. Questionado sobre o assunto, Juninho preferiu se esquivar das perguntas.

– A gente comenta, mas não soubemos de nada ainda, não falaram com a gente. Acho que é bom para o Vasco, mas isso é decisão da diretoria. Espero que dê certo e chegue para somar – respondeu ele.

“Não entendo muito de SAF, mas acho que chegou para ajudar. Salário em dia, poder trabalhar tranquilo é a melhor coisa que tem”, completou.

Leia mais sobre a entrevista de Juninho:

Time-base do Zé

– É importante ele ter a cara dele no time, confiar nos jogadores e ver o melhor para o time. Tamos tentando fazer nossa parte para chegar nas semifinais do Carioca e conseguir o acesso para a Série A do Brasileiro.

Posicionamento

– Eu acho que consigo atuar em bastante posições. Com o Lisca cheguei a fazer a lateral direita na formação 3-5-2. No início do ano cheguei a jogar aberto pelo meio, como ponta também, mas me sinto melhor no meio mesmo. Estou conseguindo desarmar, coisa que não fazia antes, atacar e defender, quero continuar assim.

O que mudou do ano passado para cá?

“Na prática acho que foi minha cabeça. A ficha caiu, sei que futebol tudo é muito rápido, temos poucos anos. Com as dificuldades dos meus pais, sei que tenho que conseguir melhorar nossa vida logo. Foi o mais importante para virar minha chave. Futebol não é brincadeira. Uma pressão muito grande, sou vascaíno, então tenho que dar meu melhor”.

Em busca da assistência para receber o pix de Raniel

– Já falei com ele que se eu chegar na frente do gol vou esperar ele passar pra tocar pra ele marcar (risos). Sou muito fã da história dele, fico feliz pelo momento, espero que ele se recupere no Vasco e nos ajude.

Fluminense

– É um time bom, está jogando a Libertadores. É um grande desafio, estamos trabalhando para isso. Esperamos conseguir os três pontos, respeitando o time deles, mas vamos para brigar e conseguir logo a classificação para a semifinal.

Reencontro com Cano

– Nosso time estuda, a comissão passa as informações dos jogadores, tenho certeza que nossa zaga vai segurar o Cano.

Juninho em entrevista coletiva no VascoJuninho em ação com a camisa do Vasco SIGA-NOS Juninho em ação com a camisa do Vasco

Fonte: ge

Compartilhe

Like this:

Like Loading…

Fonte: vasconet.com.br/2022/02/22/juninho-conversei-com-toda-a-equipe-e-pedi-a-oportunidade-porque-esse-seria-meu-ano